hostgator coupon 75 off
FMI projecta um crescimento económico de 4,7%para 2019
Abertura Oficial do Congresso Internacional sobre a Cultura e Turismo
O emprego que queremos. Inovação Social em Moçambique
Jornada "O emprego que queremos. Inovação Social em Moçambique"
Entrega de certificados do curso de Liderança em Comunicação Estratégica para a Saúde
Quarta edição da “Exposição sobre a Biodiversidade Itinerante: A Cultura da Conservação e o Desenvolvimento Sustentável”
Caravana Jurídica, que consistiu na assistência jurídica e psicológica gratuita...
Total Moçambique financia bolsa de estudos aos estudantes do Programa REPTO-IMEP
Homenagem ao primeiro Reitor da Universidade Politécnica Prof. Doutor Lourenço do Rosário
O Programa de Reforma do Ensino Técnico-Profissional no Instituto Médio Politécnico (REPTO-IMEP) da FUNDE-Fundação Universitária para o Desenvolvimento da Educação, vai formar, durante três anos, um total de 744 técnicos médios.
FUNDE PARTICIPA NA EXPOSIÇÃO/FEIRA SOBRE A BIODIVERSIDADE
Arrancaram as aulas do Programa de Reforma do Ensino Técnico-Profissional no Instituto Médio Politécnico
Feira de assistência jurídica e atendimento psicológico
Apresentação Institucional - Funde
Joaquim Chissano
Antigo Presidente da República, fala sobre a FUNDE
Magid Ossman
Empresário, fala sobre a FUNDE.
Foto de família com os participantes do seminário sobre bancarização.
Seminário sobre Jornalismo Universitário - Linguagem como Factor Identitário.
Apresentação de uma peça teatral durante a cerimónia de encerramento do ano lectivo na Escola Primária 25 de Junho.

Universidade Politecnica 

 

fotosocials

Fundação Universitária para o Desenvolvimento da Educação

Sobre

ponto A FUNDE é uma entidade de utilidade pública, sem fins lucrativos e surgiu por despacho do Conselho de Ministros, em sessão ordinária no dia 18 de Setembro de 2012.

   A Funde tem como objectivo geral a promoção de acções e actividades sociais, tais como:

.Educação e capacitação não formal em áreas específicas e estratégicas para o desenvolvimento das comunidades do País;

.Relacionamento com a comunidade;

.Formação e capacitação técnico-profissional;

.Actuação nos domínios artístico, cultural e desportivo.

___________________________________

  • .Promoção do ser humano nas suas dimensões física, intelectual, científica e económico-social;
  • .Contribuição para a elevação das capacidades individuais e das comunidades;
  • .Promoção do espírito de empreendedorismo no seio das comunidades;
  • .Intervenção, planeamento e execução de estratégias de desenvolvimento;
  • .Cooperação com entidades do Estado, privadas e da sociedade civil, em tudo o que se relacionar com o seu fim.
  • ____________________________________________________

Total Moçambique financia bolsa de estudo a estudante do Programa REPTO-IMEP

 

Acto de assinatura do memorando

Narciso Matos Reitor da Universidade Politecnica

Joseph Kouame Director Geral da Total M

Troca de pastas

Participantes

 

A Universidade Politécnica e a Total Moçambique assinaram, na sexta-feira, 29 de Junho, um memorando de entendimento através do qual esta empresa se compromete a apoiar o REPTO-IMEP, um programa de reforma do ensino técnico-profissional sem fins lucrativos, cuja vocação é formar e graduar técnicos profissionais de nível médio, e que é desenvolvido no Instituto Médio Politécnico - IMEP (Tete e Nampula) sob tutela da Fundação Universitária para o Desenvolvimento da Educação - FUNDE.

À luz deste memorando, a Total Moçambique vai oferecer uma bolsa de estudo a uma candidata e ainda a oportunidade de estágio à bolseira numa das suas unidades no País, recrutar estudantes nas áreas de formação do seu interesse, autorizar visitas de estudo às suas unidades de trabalho, bem como participar e contribuir nas actividades de formação no programa REPTO-IMEP.

Para o Reitor da Universidade Politécnica, o Prof. Doutor Narciso Matos, a assinatura deste memorando é mais um passo rumo à concretização dos objectivos para os quais este programa foi concebido: levar a educação técnico-profissional aos mais carenciados.

“É um acordo que vai ajudar a apoiar estudantes com carências económicas mas com vontade de estudar. Os cursos técnicos não são baratos pois os formandos precisam de máquinas, varões, blocos, entre outro tipo de equipamento para terem uma formação sólida”, considerou o Reitor.

Ainda no que diz respeito aos custos dos cursos ministrados, o Prof. Doutor Narciso Matos disse, a título de exemplo, que neste momento, o programa REPTO-IMEP tem uma capacidade para acolher 180 estudantes mas actualmente conta somente com 120, “não porque não há interessados, mas porque não têm dinheiro suficiente para pagar pelos cursos, daí a importância destes memorandos”.

Por seu turno, o Director-Geral da Total Moçambique, o Dr. Joseph Kouamé, afirmou que este apoio visa aumentar a disponibilidade de mão-de-obra qualificada no mercado nacional, principalmente a de nível médio.

“A educação é muito importante. Se a Total Moçambique, por exemplo, quer continuar a desenvolver as suas actividades tem de ter pessoas bem formadas. É por isso que estamos a ajudar a desenvolver competências locais para não dependermos de outros países no que diz respeito à mão-de-obra. Devemos recrutar localmente”, asseverou Joseph Kouamé.

O REPTO-IMEP é uma iniciativa da Fundação Universitária para o Desenvolvimento da Educação - FUNDE, apoiada pela Universidade Politécnica e patrocinada pelo JOBA, um programa de habilidades para o emprego financiado pelo UK Aid (DFID-Departamento Britânico para o Desenvolvimento Internacional).

A iniciativa teve o seu início em Março de 2018 nas províncias de Nampula e Tete, abrangendo as áreas de Indústria e Construção Civil. Em Nampula são ministrados os cursos de Mestre-de-Obras, Medidores Orçamentistas e Electricidade Industrial, e em Tete os de Estradas e Pontes, Manutenção de Equipamentos Hidráulicos e Construções Mecânicas.

Os cursos, de nível médio, têm a duração de três anos, sendo que os candidatos devem ter, no mínimo, a 10ª classe. Os professores do programa passam por uma formação e certificação que lhes habilita a ministrar cursos por competências.

Por forma a garantir o recrutamento e retenção de jovens de classe média-baixa, o REPTO-IMEP estabelece um sistema de apoio financeiro, através de bolsas de estudos (apoio em materiais escolares, alimentação, transporte e residência estudantil), apoio psicológico (saúde preventiva e materno-infantil) aos seus formandos, principalmente às mulheres desfavorecidas, de modo a propiciar as mais elevadas condições de aprendizagem. 

Funde logoFUNDE - Fundação Universitária para o Desenvolvimento da Educação 

Entidade de utilidade pública, sem fins lucrativos.

f m y s

    © 2017 Funde  |  Todos os direitos reservados | Desenvolvido porArtur Delfim A.Pedro

Please publish modules in offcanvas position.